Exercício feito na aula de 29/06

Identificar a estrutura do argumento baseado em uma passagem da Primeira Jornada do Discurso sobre duas novas ciências de Galileu (fonte: Alec Fisher, A lógica dos verdadeiros argumentos, pp. 184-185).

Conclusão a ser demonstrada: a tese da física aristotélica de que os corpos caem com velocidades proporcionais ao seu peso leva a uma contradição e deve ser rejeitada.

Estrutura do argumento:

0. O pressuposto do argumento é que cada corpo em queda possui uma “velocidade natural” que lhe é própria. Então o corpo mais leve possui uma velocidade “natural” menor do que a do corpo mais pesado.

1. Suposição inicial: os corpos caem com velocidade proporcional ao seu peso. [Assim, p.ex. um corpo com 8 unidades de massa (u.m.) se moveria com 8 unidades de velocidade (u.v.), ao passo que um corpo com 4 u.m. se moveria com 4 u.v.]

2. De (1) se segue que, se um corpo for formado pela união do corpo mais pesado com o mais leve, a velocidade de queda do corpo composto será proporcional à sua massa total. [Neste exemplo, 12 u.m. e 12 u.v.]

3. Então o corpo composto cairá mais rápido do que o corpo mais pesado sozinho.

4. Mas também de (0) e de (1) se segue que o copo mais pesado será retardado pelo mais leve a ele agregado, e também que o mais leve será acelerado pelo mais pesado. [Então, no exemplo considerado, a velocidade teria que ficar entre 4 u.v. e 8 u.v.]

5. De (4) se segue que o corpo composto cairá mais lentamente do que o corpo mais pesado.

6. Mas entre (3) e (5) existe uma contradição.

Conclusão: Logo, a suposição inicial (1) e o pressuposto (0) devem ser rejeitados: os corpos não possuem velocidades “naturais” intrínsecas e não caem com velocidades proporcionais ao seu peso.

Um comentário adicional: A física de Galileu, como se sabe, vai mostrar que os corpos caem todos com o mesmo movimento uniformemente acelerado, independentemente da sua massa. Por isso dois corpos em queda, um mais pesado e um mais leve, chegam juntos ao chão, e o mesmo acontece com o corpo formado pela união dos dois.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s